X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!
X

Horóscopo Virtual:

X

Resultados das Loterias:

RSC Portal - Rede Souza de Comunicação

  • RSC Portal no Twitter
  • RSC Portal no YouTube
  • RSC Portal no Facebook

Sobe para 58 número de mortos em Brumadinho

Nenhum sobrevivente do rompimento de barragem em Minas Gerais foi encontrado neste domingo.

Por RSC Portal dia em Notícias

Sobe para 58 número de mortos em Brumadinho
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

O número de mortos encontrados em Brumadinho chegou a 58, informou o governo de Minas Gerais no início da noite deste domingo (27). Subiu para 305 o número de desaparecidos, de acordo com a Vale, responsável pela barragem que se rompeu e deixou um rastro de destruição. Nenhum sobrevivente foi encontrado neste domingo — 192 pessoas foram resgatadas desde sexta (25).

Neste domingo os bombeiros iniciaram a evacuação de comunidades de Brumadinho após a constatação de que uma quarta barragem da Vale apresentava risco iminente de rompimento. Um alarme de aviso sobre rompimento de barragem soou às 5h30. A possibilidade de um novo rompimento foi descartada depois.

A barragem 1, que se rompeu, é uma estrutura de porte médio para a contenção de rejeitos e estava desativada. Seu risco era avaliado como baixo, mas o dano potencial em caso de acidente era alto.

Uma outra barragem, a de número 6, agora está sendo monitorada a cada uma hora pela Vale, junto com a Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros. Bombas estão sendo usadas para fazer a drenagem e reduzir a quantidade de água, evitando novos problemas.

Neste domingo, aconteceram os primeiros enterros de vítimas do rompimento da barragem de rejeitos da Vale.

Há três cemitérios em Brumadinho. Dois são municipais: o Cemitério Velho e o Parque das Rosas. Um terceiro, Brumado, é privado. Por serem os mais antigos, a maioria dos enterros devem acontecer nos dois primeiros, onde as famílias tradicionalmente mantêm jazigos.

Polícia investiga responsáveis pelo rompimento de barragem
Cerca de 460 pessoas procuraram a polícia em busca de parentes desaparecidos, segundo informações divulgadas pelo chefe da Polícia Civil de Minas Gerais, Wagner Pinto de Souza, neste domingo.

Segundo o delegado, o inquérito policial que investiga responsabilidades pelo desastre ambiental foi instaurado ainda na sexta-feira (25), dia do rompimento da barragem.

— Estamos arregimentando o máximo de informações e estamos preocupados com a parte da perícia criminal. Já estamos fazendo o nosso trabalho, dentro da arregimentação das provas técnicas, das provas documentais e também das provas testemunhais.

Justiça bloqueia valores da Vale
A Justiça mineira determinou o terceiro bloqueio de valores da mineradora Vale desde o rompimento da barragem da Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho, região metropolitana de Belo Horizonte (MG), na tarde de sexta-feira (25). No total, até o momento, a empresa responsável pelo empreendimento terá que dispor de pelo menos R$ 11 bilhões para ressarcir danos e perdas de forma geral.

Esse último pedido acatado pela Justiça, sábado (26), foi apresentado pelo Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), que definiu que o valor de R$ 5 bilhões seria exclusivamente para garantir reparação de danos causados às vítimas.

 

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Olá, deixe seu comentário para Sobe para 58 número de mortos em Brumadinho

Enviando Comentário Fechar :/