X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!
X

Horóscopo Virtual:

X

Resultados das Loterias:

Conteúdo em destaque:

O Guaraná oficial de Imbituba
Seu pedido é uma ordem
Snet Telecom

Presidente pede união dos imbitubenses na Câmara

Vereador Clésio do Marcão falou em plenário sobre as eleições 2020

Por RSC Portal dia em Notícias

Presidente pede união dos imbitubenses na Câmara
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

O presidente da Câmara de Vereadores, Antônio Clésio Costa (PP), usou a tribuna da Câmara de Vereadores, durante a sessão plenária desta segunda-feira (17), para manifestar sua preocupação com as eleições municipais deste ano.

O vereador Clésio do Marcão dirigiu-se diretamente aos imbitubenses e pediu que a população “olhe com carinho” o próximo pleito, pois dele dependem questões importantes para o desenvolvimento do município.

O presidente em sua fala lembrou que nas eleições passadas Imbituba viveu a “onda do 17”, referindo-se à eleição que prestigiou principalmente o PSL, partido do governador do Estado, Carlos Moisés, que teve uma votação histórica. Partido que também elegeu em Santa Catarina dois deputados, um federal e um estadual.

“Imbituba votou maciçamente nos deputados Felipe Estevão para a Assembleia Legislativa, e Daniel Freitas, para a Câmara Federal. Em Imbituba foram mais de 3 mil votos. Para governador então, 70% dos eleitores imbitubenses votaram no governador Carlos Moisés; faço uma pergunta, onde estão os deputados do PSL e o governador?”, declarou Clésio do Marcão na tribuna da Casa.

O presidente mesmo respondeu, lembrando que o governador Moisés esteve em Imbituba uma única vez, de helicóptero, desceu na área portuária, reuniu-se com a administração do Porto e foi embora sem convidar nenhuma autoridade. Clésio prosseguiu dizendo que tampouco os deputados pelo município apareceram.

O motivo do vereador progressista levantar o assunto foi além do fato dos deputados e governador eleitos não terem prestigiado com suas presenças Imbituba. Clésio do Marcão questionou em seguida onde estão as emendas parlamentares dos deputados do PSL e afirmou que, com certeza “vamos continuar a ver navios”.

 

GESTÃO COMPARTILHADA NO PORTO DE IMBITUBA

Outro assunto levantado pelo presidente do Legislativo diz respeito ao Porto, administrado pela estatal SCPar.

Desta vez dirigiu-se diretamente ao governador do Estado.

“O governador tem o controle do Porto que até onde se sabe dá um bom lucro; 25% fica na SCPar de Florianópolis, recursos que poderiam voltar e serem aplicados aqui em Imbituba, mas não voltam. Cobramos sim ISS, e em contrapartida sofremos com a questão do Coque de Petróleo, a movimentação intensa de caminhões e as cargas de soja e sal que poluem e estragam nossos acessos Sul e Norte. Precisamos sim das cargas, mas também não seria o caso da SCPar cuidar da manutenção das duas rodovias; não seria o caso de se responsabilizarem pela ampliação e melhoria dos acessos?”, volta a questionar o presidente.

Clésio do Marcão defende que o Porto deveria ser administrado por imbitubenses, que conhecem a realidade do município e estariam interessados em atuar em favor do município.

“Acredito ao menos o governo estadual deveria pensar em uma administração compartilhada, valorizando quem é da nossa terra”, pondera.

 

ELEIÇÕES 2020 – “NÃO QUEREMOS MIGALHAS”

No final de seu pronunciamento, o presidente da Casa voltou a falar especialmente nas eleições municipais e na necessidade “de votarmos certo”. E disse que com certeza o PP irá cobrar do partido do governador a duplicação do Acesso Norte, o recapeamento do Acesso Sul, uma UTI para o Hospital São Camilo e a manutenção da UTI também a cargo do Porto.

“Não queremos migalhas, tenho certeza que os vereadores Progressistas desta Casa (Clésio, Elísio, Alfredo e Lenoir), continuarão sendo os responsáveis por boa parte das emendas parlamentares destinadas ao município, como acontece desde o início desta legislatura; temos que ficar alerta, pois os campeões de voto irão voltar, para fazerem promessas e pedirem mais votos, sem darem nada em troca”, finalizou Clésio do Marcão.  

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Olá, deixe seu comentário para Presidente pede união dos imbitubenses na Câmara

Enviando Comentário Fechar :/