X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!
X

Horóscopo Virtual:

X

Resultados das Loterias:

RSC Portal - Rede Souza de Comunicação

  • RSC Portal no Twitter
  • RSC Portal no YouTube
  • RSC Portal no Facebook

Por falta de médico, prefeito atende em posto de saúde

A iniciativa foi tomada porque quatro postos de saúde (Vila Santo Antônio, Roça Grande e Araçatuba) estão sem médicos há alguns meses.

Por RSC Portal dia em Notícias

Por falta de médico, prefeito atende em posto de saúde
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

A rotina do chefe do Poder Executivo Municipal de Imbituba precisou ser alterada nesta quarta-feira (23). Ao invés de despachar no gabinete ou visitar obras, o prefeito Rosenvaldo da Silva Júnior, que é cardiologista em atividade no município, passou a tarde atendendo, voluntariamente, os pacientes da Unidade Básica de Saúde (UBS) do bairro Campo da Aviação.

“Nós tivemos, nos últimos meses, a saída de quatro profissionais. E, nesse mês de janeiro, alguns médicos estão de férias. Com isso, estamos com algumas unidades com defasagem no atendimento. A Secretária de Saúde pediu o nosso apoio, por isso,  viemos atender a população e fazer a nossa parte”, disse o Prefeito de Imbituba, Rosenvaldo da Silva Júnior.

A iniciativa foi tomada porque quatro postos de saúde (Vila Santo Antônio, Roça Grande e Araçatuba) estão sem médicos há alguns meses. Tudo porque, os profissionais que trabalhavam nos locais, deixaram os cargos por questões profissionais. Segundo a Secretária de Saúde, Graciela Wiemes Ribeiro, como há uma lista de aprovados em concurso público em vigência, o município precisa seguir o que determina o edital, antes da nomeação do novo profissional.

“Além do Campo da Aviação, estamos com déficit nos bairros Vila Santo Antônio, Roça Grande e Araçatuba. Como estamos cumprindo a legalidade do edital, primeiro, nós precisamos fazer o chamamento do próximo classificado no concurso público seletivo. Em seguida, nós devemos aguardar o profissional por 30 dias. Esse é o tempo que ele tem para nos informar se quer ou não a vaga. Depois desse período, o médico tem, ainda, mais 30 dias para entregar a documentação e começar, efetivamente, o trabalho. O problema é que alguns profissionais desistiram da vaga. Por isso, a demora na contratação”, disse a secretária Graciela.

O Prefeito de Imbituba atendeu, nesse primeiro dia, 10 pacientes. Os outros três bairros da cidade que estão sem médicos nos postos de saúde, receberão a visita do chefe do Poder Executivo nos próximos dias. A data ainda será definida.

Fonte: Prefeitura de Imbituba

Confira galeria de fotos do artigo: "Por falta de médico, prefeito atende em posto de saúde"

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Olá, deixe seu comentário para Por falta de médico, prefeito atende em posto de saúde

Enviando Comentário Fechar :/