X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!
X

Horóscopo Virtual:

X

Resultados das Loterias:

X

ESTAMOS AO VIVO!

Libere o áudio no canto inferior direito!

RSC Portal - Rede Souza de Comunicação

  • RSC Portal no Twitter
  • RSC Portal no YouTube
  • RSC Portal no Facebook

Museu Usina de Imbituba recebe doação historicamente rara

O retrato fotográfico de Henrique Lage está datado e assinado de próprio punho.

Por RSC Portal dia em Notícias

Museu Usina de Imbituba recebe doação historicamente rara
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

O Museu Histórico Municipal de Imbituba, Museu Usina, recebeu no mês de fevereiro de 2018 uma doação rara para seu acervo, o retrato fotográfico de Henrique Lage, datado e assinado de próprio punho. O quadro pertenceu ao Dr. João Rimsa, diretor gerente da Indústria Cerâmica de Imbituba – ICISA, foi doado ao prefeito Rosenvaldo da Silva Junior, pela sobrinha de Rimsa, Margarita Aldona Miniauskas Beleskevich.

O prefeito Rosenvaldo, sensível a importância histórica do objeto, imediatamente deu destino repassando a doação a Diretoria de Cultura da cidade para que fosse integrado ao acervo do Museu Usina. O industrial de grande inteligência e tino comercial, visionário que viu em Imbituba a oportunidade para o alargamento dos horizontes econômicos do país, foi o principal idealizador do Porto de Imbituba, o segundo maior porto do estado de Santa Catarina, da Usina Termoelétrica de Imbituba, que serviu à cidade, empresas e o Porto desde 1917.

A Usina foi pioneira na produção de energia elétrica e operou até 1982, quando a Companhia Docas de Imbituba deixou de explorar o serviço e a distribuição passou para a CELESC. Lage fundou a Companhia Docas de Imbituba em 1922, também a Indústria Cerâmica de Imbituba - ICISA, o Imbituba Hotel, e uma granja de grandes proporções para produção de hortifrutigranjeiros, para sua companhia de navegação.

A escola para os filhos dos trabalhadores, que leva seu nome, encontra-se em funcionamento sob regência do estado, foi responsável pela urbanização de grande parte da cidade, que por sorte da percepção visionária de Lage, hoje conta com sistema viário inteligente contendo largas ruas com duplas vias cruzando todo o centro e proporcionando uma fluidez no trânsito e amplitude agradável a aqueles que transitam. Grande incentivador de fundamentais setores da indústria nacional, como a mineração e a aeronáutica. Foi pioneiro na extração salineira no nordeste do Brasil e, na década de 1920, mandou sondar a existência de petróleo no município de Campos dos Goytacazes. Henrique Lage criou, em 1935, a Companhia Nacional de Navegação Aérea, primeira fábrica de aviões no Brasil. Foi casado com a cantora lírica italiana Gabriella Besanzoni. Foi de sua propriedade também o Parque Lage, localizado aos pés do Morro do Corcovado, no Rio de Janeiro.

Paulo Armando, Diretor de Cultura do Município, relata que “o item doado, salvaguardado na Diretoria de Cultura do Município, tem grande valor histórico cultural, e em momento oportuno fará parte da composição expográfica do Museu Usina. Henrique Lage é o grande vulto empreendedor, construtor e praticamente pai da cidade, sendo responsável pelo planejamento de Imbituba, do Porto e da Usina Termoelétrica que abriga hoje o Museu Usina, merecendo local de honra em alusão respeitosa à sua figura e seus grandiosos feitos!”

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Olá, deixe seu comentário para Museu Usina de Imbituba recebe doação historicamente rara

Enviando Comentário Fechar :/