X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!
X

Horóscopo Virtual:

X

Resultados das Loterias:

Conteúdo em destaque:

Tabacaria Cardoso
Alan e Felipe
Dia das Crianças com a Rede Souza de Comunicação e Grupo Alternativas
Semana Nacional da Baleia Franca
Promoção Passeio Turístico ao Santuário Santa Paulina
Snet Telecom
Pães e Cucas em Garopaba
King Barbearia
Raancon Construtora

Homem dificulta abordagem policial alegando ser advogado em Laguna

Segundo relato da PM, o homem dizia não poder ser abordado porque era advogado

Por Redação do RSC dia em Notícias

Homem dificulta abordagem policial alegando ser advogado em Laguna
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Em Laguna, a Polícia Militar foi acionada via Central Regional de Emergências para dar apoio na cidade de Capivari de Baixo por volta das 23h de quinta-feira (30). A ocorrência seria de um furto em residência, onde duas armas de fogo e uma bicicleta teriam sido levadas pelo autor do delito.

A guarnição, em rondas na Rua José Domingos Bittencourt, observou que dois homens, com roupas pretas e cinzas, saíram correndo de trás de uma residência. Os agentes militares não conseguiram efetuar uma abordagem e se deslocaram até a residência em questão, onde encontraram a bicicleta roubada.

Após buscar informações, a guarnição foi até uma lanchonete, que fica 200 metros do local em que encontraram a bicicleta. Lá, efetuaram a abordagem de quatro cidadãos que estavam no local, sendo que apenas três deles obedeceram a ordem direta para ficar na posição de abordagem.

Uma das pessoas que estava no local, porém, negou-se a ser abordado com a justificativa de ser advogado. A guarnição orientou o homem que este era um procedimento de segurança e que, depois dele estar em posição para abordagem, sua carteira da OAB seria verificada. O indivíduo continuou se negando a obedecer ao pedido policial, enquanto os PMs explicavam que ele não estava em exercício da sua função e, por isso, poderia ser abordado caso houvesse necessidade. Além disso, os policiais frisaram que o procedimento era de segurança, pois alguém no local poderia estar com duas armas roubadas.

Após muita resistência, o homem concordou com a abordagem. Depois que todos foram revistados e uma certa segurança foi constatada, os policiais verificaram a carteira da OAB do indivíduo. Os policiais, no entanto, informaram ao homem que seria realizado contra ele um termo circunstanciado por desobediência e o mesmo assinou o termo.

Foto: Reprodução internet / Ilustrativa

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Olá, deixe seu comentário para Homem dificulta abordagem policial alegando ser advogado em Laguna

Enviando Comentário Fechar :/