X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!
X

Horóscopo Virtual:

X

Resultados das Loterias:

X

ESTAMOS AO VIVO!

Libere o áudio no canto inferior direito!

RSC Portal - Rede Souza de Comunicação

  • RSC Portal no Twitter
  • RSC Portal no YouTube
  • RSC Portal no Facebook

Dezenove pinguins são devolvidos ao mar na Praia de Moçambique

Outros 22 animais seguem sendo acompanhados no processo de reabilitação até estarem aptos a retornarem ao mar, de acordo com Associação R3 Animal.

Por RSC Portal dia em Notícias

Dezenove pinguins são devolvidos ao mar na Praia de Moçambique
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Após passarem por um período de reabilitação, 19 pinguins retornaram ao habitat natural na manhã desta segunda-feira (15), na Praia de Moçambique, região nordeste da Ilha. Outros 22 animais seguem sendo acompanhados no processo de reabilitação até estarem aptos a retornarem ao mar, de acordo com Associação R3 Animal.

É o segundo grupo de pinguins-de-magalhães, da espécie Spheniscus magellanicus, que é devolvido nesta temporada. A primeira soltura foi registrada no dia 10 de setembro, na qual 19 pinguins retornaram ao mar, de um total de 34 que estavam em reabilitação.

 
Os animais estavam abrigados e recebendo assistência da equipe do Centro de Pesquisa, Reabilitação e Despetrolização de Animais Marinhos (CePRAM), da Associação R3 Animal, por meio do Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS).

É comum o litoral catarinense receber a visita desses animais nesta época do ano. Eles vêm da Patagônia, na Argentina. O R3 Animal explica que eles acompanham as correntes marítimas de água fria em busca de alimento. Mas, infelizmente, nem todos conseguem concluir a migração. Muitos chegam às praias já sem vida. Há ainda os que alcançam a faixa de areia debilitados e doentes, muitos deles com pneumonia, conforme a associação.

É no resgate que o trabalho das equipes entra em ação. Eles são resgatados pelas instituições que atuam junto ao Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS), levados para unidades de estabilização e, posteriormente, encaminhados para os Centros de Reabilitação de Animais Marinhos, como o CePRAM — localizado no Parque Estadual do Rio Vermelho — , onde estes pinguins receberam os cuidados necessários.

Trabalho em equipe

Dos 19 pinguins que retornaram ao seu habitat nesta manhã, 15 foram trazidos por instituições parceiras do Projeto de Monitoramento de Praias. 

Quatro vieram de Laguna, da Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), sete de Joinville, resgatados pela Universidade da Região de Joinville (Univille), um de São Paulo, do Instituto de Pesquisas Cananéia (IPeC), dois pelo Instituto Australis/Projeto Baleia Franca e um pela Universidade do Vale do Itajaí (Univali).

Conforme a médica veterinária, Marzia Antonelli, a soltura costuma ser feita em grupos. O recomentado é que sejam grupos de no mínimo 10 pinguins.

— A vinda de um animal de outro Estado para ser solto pela R3 Animal se justifica pelo fato de pinguins serem gregários, ou seja, animais que vivem em bandos ou grupos — explica.

Saiba o que fazer ao encontrar um animal marinho

Ao se deparar com um pinguim, uma baleia, uma tartaruga ou outra ave morta ou debilitada na praia a orientação principal é entrar em contato pelo telefone 0800 642 3341. Assim, equipes preparadas serão acionadas para fazer o resgate do animal.

O Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS) é uma contrapartida ambiental relacionado às atividades de produção e escoamento de petróleo e gás natural  desenvolvidas pela Petrobras no Polo Pré-Sal da Bacia de Santos.

O objetivo do projeto, conforme a Associação R3 Animal, é avaliar os possíveis impactos que essas atividades têm sobre as aves, tartarugas e mamíferos marinhos por meio do monitoramento das praias e do atendimento veterinário aos animais vivos e necropsia dos animais encontrados mortos.

Fonte: Diário Catarinense

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Olá, deixe seu comentário para Dezenove pinguins são devolvidos ao mar na Praia de Moçambique

Enviando Comentário Fechar :/