X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!
X

Horóscopo Virtual:

X

Resultados das Loterias:

Conteúdo em destaque:

Tabacaria Cardoso
Woodstock 2k
Pães e Cucas em Garopaba
Clube do Assinante Impresso Catarinense
Snet Telecom
King Barbearia
Raancon Construtora

Debate sobre a Cattalini é realizado em Imbituba

O prefeito assumiu com a população o compromisso de não permitir a instalação da empresa na cidade.

Por RSC Portal dia em Notícias

Debate sobre a Cattalini é realizado em Imbituba
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Representantes do movimento Fora Cattalini estiveram ontem de noite na Câmara de Vereadores de Imbituba com o objetivo de realizar uma explanação para a população sobre os riscos, as possibilidades e os aspectos legais da possível instalação da empresa de granéis líquidos ou combustíveis inflamáveis na cidade.

Segundo os líderes do movimento, representantes da empresa já solicitaram uma reunião com o prefeito de Imbituba, Rosenvaldo Júnior. “O prefeito, porém, assumiu com a população esse compromisso de não permitir a instalação da empresa na cidade”, assegura a colaboradora do movimento Ana Carolina Gonçalves.

Ela destacou ainda que o espaço solicitado aos vereadores foi para explicar à população e também deixar os edis a par de questões que, caso a empresa fosse instalada, iriam contra a Lei Orgânica do município.

“Na cidade temos muito vento nordeste e com a instalação de um terminal de combustíveis na área do porto qualquer explosão ou incêndio traria tudo para a cidade, que teria que ser evacuada. Até mesmo os bombeiros da cidade já deixaram claro que não têm estrutura para o combate a um incêndio, fora outras questões, como as famílias de pescadores que teriam que ser retiradas”, resume.

O convite à população para receber mais informações sobre o movimento foi, segundo Ana, justamente no sentido de esclarecer, agrupar opiniões e colocar os motivos que levam os participantes a serem contra a instalação da Cattalini na cidade.


Progresso

“Queremos que fique claro que não somos contra o progresso. Não somos contra a instalação de qualquer empresa na cidade, mas sim desta atividade, que representa riscos. Há outras empresas querendo se instalar naquele local, que vão gerar empregos e progresso”, afirmou Ana.

A colaboradora ainda opina que a implantação do terminal de armazenamento de granéis líquidos pode prejudicar outras atividades econômicas, como o turismo. “Vivemos muito do turismo e não podemos abrir uma possibilidade fechando outras”, completou.

Segundo o movimento, se implantado o terminal poderá armazenar milhões de litros de óleos, combustíveis, ácidos e outros produtos líquidos, colocando tudo e todos sob risco constante.

fonte: Diário do Sul

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Olá, deixe seu comentário para Debate sobre a Cattalini é realizado em Imbituba

Enviando Comentário Fechar :/